Peça criada para a Esfinge

Lembrando de um comercial antigo que dizia: “Não basta ser pai, tem que participar”, criei este para a Esfinge. Porque mãe, quer  queira quer não, participa de tudo na vida dos seus.
Está aí a homenagem a essas guerreiras.